Bom dia, são 8:56:43 | Alvor de Sintra RSS

 

Publicidade

Menu » Jornal Digital » Agenda Cultural » Contactos Úteis » Dossiers » Farmácias de Serviço » Fórum » Lotarias » Meteorologia »

 » Início
 » Cultura
 » Desporto
 » Economia
 » Educação
 » Fora de Portas
 » Idosos
 » Instituições
 » Juventude
 » Local
 » Nacional
 » Obras
 » Opinião
 » Política
 » Transportes

 

Serviços

 » Agenda Cultural
 » Dossiers
 » Farmácias Serviço
 » Lotarias
 » Meteorologia
 » Mais Lidas
 » Mais Comentadas
 » RSS
 » Trânsito

 

Suplementos

 » Agualva
 » Algueirão - Mem Martins
 » Cacém
 » Monte Abraão
 » São Pedro Penaferrim

 

 » Nós
 » Contactos
 » Estatuto Editorial
 » Ficha Técnica
 » Publicidade

 

 

Navegação » Página Inicial » Crónica de Cardoso Martins

 

Crónica de Cardoso Martins

 

Notícias encontradas: 3

Página 1 de 1

 

 

Justitia Regnorum Fundamentum

Sábado, 17 de Fevereiro de 2007

Cardoso Martins

Bem...acho que podemos estar no bom caminho: Não há dia nenhum em que não se fale da JUSTIÇA! Passou a haver preocupação séria sobre as razões da crise na Justiça, porque a comunicação social entrou nalguns meandros dos Tribunais e da Magistratura! Os Juizes começaram a falar... a dar entrevistas... Os cidadãos questionam o acerto de Sentenças e Acordãos que ferem o senso comum. Começaram a ver que os processos não andam. Toda a gente começou a ver que não basta termos Leis... é preciso aplicá-las e aplicá-las bem. Estão a acabar muitos mitos...porque a Justiça saíu à rua ! E um dia destes todos chegaremos à conclusão, clara , de que quando a Justiça não “funciona”, o Estado fica sem suporte e em crise e... nada funciona. Há quem diga que a crise da Justiça é muito profunda e que vem do tempo da Revolução Francesa! Não sei. Agora que já em 1822 se bradava contra a situação da Justiça em Portugal, é um dado de facto, como tenho vindo a demonstrar com citações do tal livrinho “Reméd

 

 

Justitia Regnorum Fundamentum

Terça-feira, 21 de Novembro de 2006

Cardoso Martins

Houve um leitor da minha primeira crónica que me perguntou qual o significado do título dado à minha modesta colaboração “Justitia Regnorum Fundamentum”... Trata-se de uma expressão latina que significa, traduzida “ à letra” : “A Justiça é o Fundamento dos Reinos”. Isto é (em latim istum esd ) não é concebível a existência de Estados sem justiça e onde não há Justiça não há verdadeira sociedade civil . É isso mesmo que diz o autor do livrinho que vai alimentar estas minhas crónicas: “onde não há sociedade civil, não é necessário haver desembargadores, sendo cada homem o magistrado de si mesmo”!

 

 

Justitia Regnorum Fundamentum

Quinta-feira, 26 de Outubro de 2006

Cardoso Martins

Muito se tem falado da “Reforma da Justiça”, sobretudo nos últimos meses e mais recentemente com o pacto para a dita reforma, celebrado entre os dois maiores partidos portugueses.

 

 

Página - 01

 

 

 

Cronistas

André Beja

 » Assim vai Sintra: que fazer com estes entulhos?

 

António Filipe

 » Conte comigo, Professor Galopim de Carvalho

 

António Rodrigues

 » Tributo a José Pinto Vasques

 

António Vicente

 » A Casa do Castelo

 

Cândido e Silva

 » Grupo de Ballet de Sintra

 

Cardoso Martins

 » Justitia Regnorum Fundamentum

 

Céu Ribeiro

 » IVG - um direito de cidadania

 

Cortez Fernandes

Não existem registos

 

Fátima Campos

 » Eleições em Lisboa: o meu olhar

 

João Soares

 » Um Ano

 

Miguel Carretas

 » Cultura Não É (SÓ) Paisagem

 

Luís Fernandes

 » Problemática da Energia Solar em edifícios

 

 

 

   

 

 Director: Gui Aragão Reis

Registo Instituto da Comunicação Social: 124 724

  Copyright © 2005 Alvor de Sintra | Todos os direitos reservados