Bom dia, são 8:31:16 | Alvor de Sintra RSS

 

Publicidade

Menu » Jornal Digital » Agenda Cultural » Contactos Úteis » Dossiers » Farmácias de Serviço » Fórum » Lotarias » Meteorologia »

 » Ambiente
 » Cultura
 » Desporto
 » Economia
 » Educação
 » Fora de Portas
 » FotoReportagem
 » Idosos
 » Instituições
 » Internacional
 » Juventude
 » Local
 » Nacional
 » Obras
 » Opinião
 » Política
 » Transportes

 

Serviços

 » Agenda Cultural
 » Farmácias de Serviço
 » Lotarias
 » Meteorologia
 » TV Alvor de Sintra

 

Suplementos

 » Agualva - Cacém
 » Algueirão - Mem Martins
 » Queluz
 » Vila Sintra

 

 » Contactos
 » Critérios de Publicação de Comentários
 » Estatuto Editorial
 » Ficha Técnica
 » Nós
 » Publicidade

 

 

» Página Inicial » Empresas Municipais 2005 / 2009

 

 

 

Notícias encontradas: 17

Página 1 de 2

 

 

 

Funcionários da EDUCA continuam com benefícios sociais congelados

Os funcionários da empresa municipal EDUCA continuam sem receber os benefícios sociais decorrentes do protocolo que a empresa tem com o Centro de Cultura e Desporto de Sintra (CCDS) apesar já terem sido transferidas as verbas em falta. Contactado pelo Alvor de Sintra o Presidente do Centro garante que a questão ficará provisoriamente resolvida até ao final do mês, no entanto admite que a situação financeira da associação está em crise e afirma mesmo que os referidos benefícios deverão ser revistos em baixa.

2006/06/07 22 Comentário(s)     Ler mais

 

 

EDUCA responsabiliza autarquia pelo congelamento dos benefícios sociais

A empresa municipal Educa refutou as acusações de ter congelado desde Novembro os benefícios sociais a que os trabalhadores têm direito. Em resposta à notícia avançada pelo Alvor de Sintra, Paula Simões, a presidente da administração, responsabiliza o executivo pelo sucedido alegando que as verbas relativas ao “segundo semestre de 2005 para fazer face aos encargos assumidos” não terão sido ainda transferidas pela autarquia.

2006/05/18 4 Comentário(s)     Ler mais

 

 

EDUCA: trabalhadores com benefícios sociais congelados

A empresa municipal EDUCA congelou a transferência de verbas para o Centro de Cultura e Desporto Sintrense (CCDS), associação que gere um subsistema social dos trabalhadores da autarquia e destas empresas que garante, entre outros, benefícios nas creches e infantários. A denúncia foi feita por um grupo de trabalhadores em carta anónima chegada à nossa redacção.

2006/05/15 4 Comentário(s)     Ler mais

 

 

EDUCA acusada de dever mais de 300 mil euros

A EDUCA (Empresa Municipal de Gestão e Manutenção de Equipamentos Educativos de Sintra) deve quase 315 mil euros a uma empresa de canalizações e esgotos. A denúncia é feita pela própria Tecnigal, que acrescenta que a dívida mantém-se há um ano e três meses.

2006/05/02 1 Comentário(s)     Ler mais

 

 

TC detecta que EDUCA não fez descontos para a CGA no valor de € 14.500

O Tribunal de Contas (TC) detectou que a EDUCA (Empresa Municipal de Gestão e Manutenção de Equipamentos Educativos de Sintra) não fez os descontos obrigatórios para a Caixa Geral de Aposentações (CGA), no valor de mais de 14.500 euros. O relatório de uma auditoria do TC ao funcionamento da empresa municipal no ano de 2003, e ao qual a agência Lusa teve acesso, revela que "não foram efectuados, ao nível das empreitadas analisadas, os descontos legais obrigatórios (que se estimam em 14.405,22 euros), destinados à CGA, nem foram elaboradas as contas finais das empreitadas realizadas" pela EDUCA.

2006/03/23 13 Comentário(s)     Ler mais

 

 

EDUCA paga 40 mil euros a antigo funcionário

A EDUCA – Empresa Municipal de Gestão e Manutenção de Equipamentos Educativos de Sintra – chegou a acordo e pagou 40 mil euros a um antigo funcionário que interpôs uma acção judicial contra a empresa. José Guerra acusa um antigo administrador de lhe retirar as funções de gestor das instalações desportivas do concelho.

2006/03/15 6 Comentário(s)     Ler mais

 

 

Luís Patrício opta pelo silêncio

O Vereador da Coligação Mais Sintra, declarou ao Alvor de Sintra, que “o Senhor Presidente da Câmara Municipal apresentou as suas propostas, elas foram aceites por votação”. No entender de Luís Patrício “o assunto termina aqui”.

2006/02/10 10 Comentário(s)     Ler mais

 

 

João Soares evoca o acordo estabelecido com Fernando Seara

O Vereador Socialista, em declarações ao Alvor de Sintra, realçou que “Fernando Seara estabeleceu um acordo com o PS. Este acordo prevê, uma mudança na organização e na gestão das Empresas Municipais, num prazo de dois anos.”

2006/02/10 0 Comentário(s)     Ler mais

 

 

Câmara Municipal designou membros dos Conselhos de Administração das Empresas Municipais.

O Presidente da Câmara Municipal de Sintra, Fernando Seara, apresentou na última reunião de Câmara as propostas para os Conselhos de Administração das Empresas Municipais. Este facto provocou uma interrupção na reunião da autarquia, já que, segundo fonte do PS, os vereadores socialistas não foram previamente avisados por Fernando Seara. Em actualização...

2006/02/10 6 Comentário(s)     Ler mais

 

 

Reestruturação das empresas municipais em curso, defendeu António Rodrigues

As alterações nos Estatutos das empresas municipais provocaram alguma discussão durante a reunião da Assembleia Municipal. A alteração que mais suscitou o debate entre a bancada da CDU foi a criação de uma Assembleia-Geral que de acordo com Fernando Seara servirá para evitar questões suscitadas pelo Tribunal de Contas sobre "a capacidade/legalidade/legitimidade das Câmaras definirem directrizes para as empresas muncipais".

2006/01/28 8 Comentário(s)     Ler mais

 

 

[ 1 ]  2Página seguinte »

 

Cronistas

André Beja

 » Assim vai Sintra: que fazer com estes entulhos?

 

António Filipe

 » Conte comigo, Professor Galopim de Carvalho

 

António Rodrigues

 » Tributo a José Pinto Vasques

 

António Vicente

 » A Casa do Castelo

 

Cândido e Silva

 » Grupo de Ballet de Sintra

 

Cardoso Martins

 » Justitia Regnorum Fundamentum

 

Céu Ribeiro

 » IVG - um direito de cidadania

 

Cortez Fernandes

Não existem registos

 

Fátima Campos

 » Eleições em Lisboa: o meu olhar

 

João Soares

 » Um Ano

 

Miguel Carretas

 » Cultura Não É (SÓ) Paisagem

 

Luís Fernandes

 » Problemática da Energia Solar em edifícios

 

 

 

     

 

 Director: Gui Aragão Reis

Registo Instituto da Comunicação Social: 124 724

  Copyright © 2005 Alvor de Sintra | Todos os direitos reservados